Benguela - Carlos Simões ou Carlos Caota

    • RE: Benguela - Carlos Simões ou Carlos Caota

      Boas,
      amigo de Luanda, espero que tenhas toda a sorte do mundo para encontrares o teu primo.
      Nasci em Luanda em 1969, vim para Portugal em 1975 devido á guerra, graças ao Mazungue encontrei familias amigas de minha Mãe que á mais de 30 anos que não sabiamos deles, uma dessas pessoas ainda está em Luanda, foi uma alegria imensa misturada com lágrimas quando falamos com eles.
      Assim como tu andas á procura do teu primo, tambem eu ando á procura á mais de 30 anos de um amigo do meu irmão, e que era como um filho para a minha mãe, chama-se Paulo Jorge Barros, era conhecido por PáJó, ele morou na nossa casa durante algum tempo porque ele andava a tirar, e tirou o Brevete de Piloto de Avionetas, isto na decada de 60/70.
      E até hoje não sabemos nada dele, mas não desisto de o procurar, é o unico que falta encontar.
      Nós moramos na ilha dos coqueiros, e no bairro dos coqueiros, numa travessa que ainda existe que se chama Travessa Montepio Ferroviários, logo no inicio da travessa do lado direito.
      Esta travessa fica ao pé do campo de futebol dos Coqueiros, e de de uma loja de roupas que naquele tempo ( anos 60/70 ) chamava-se A Menina Brasilia, a sua familia é capaz de se lembrar.
      Quem me dera ter fotografias desta Travessa para poder mostrar á minha mãe a casa onde moramos.
      Eu tinha 5 anos quando vim para portugal, mas tenho algumas lembranças da terra que me viu nascer, e eu sei que um dia eu vou voltar para rever a minha linda cidade de Luanda.
      Um grande abraço.