Do Huambo para o mundo

    • Novo

      Alô Eliseu !
      Salvé! Mantive-me em linha, mas navegando por outros lados! Só quando voltei para dar a "novidade" de já ter chovido é vi a tua mensagem !!!

      As pipas, barris, que se veem na foto das uvas, embora em perfeitas condições, só estão servindo como decoração ! O vinho que fizemos este ano, só para que as uvas não se estragassem, se não der para o azar, deverá andar pelos 65 a 70 litros e com baixo teor alcoólico, por ter sido feito com muita uva de mesa, a de comer !!!!!

      O meu amigo brasileiro, Dalton, já me tinha falado desse fruto e do modo de o aproveitar. Por cá não conheço que exista. O mais parecido é a ginja, com a qual, alem de se comer ao natural, é mais utilizada para fazer doce e principalmente o que chamamos de "Aguardente de Ginja", seja aguardente de uva à qual se junta o fruto, bem maduro, acompanhado de açucar. Passados uns tempos fica um licor-aguardente, que é uma delicia. Bebida muito típica das tabernas de Lisboa !

      A trovoada parece que quer voltar, pelo menos já se houve novamente, mas a chuva ... ainda não!


      Manter-me-ei em linha, fazendo horas para que a TV, esteja livre das telenovelas, e possa ver os meus programas favoritos.
      .... e a chuva voltou ! Em bátegas curtas, mas fortes !!
      Manecas

      - Laripó, ou mungué, amigos meus !!!
    • Novo

      V.P. às 23.54

      Alô Amigos!

      Há meia hora atrás, finalmente caiu chuva, sem grande intensidade, mas acompanhada de trovoada, que passou perto mas já se afastou e deixou de se ouvir. A água caída quase não deu para molhar a terra. A previsão meteorológica para amanhã é de chuva ... a cver vamos.

      Manecas
      - Laripó, ou mungué, amigos meus !!!
    • Novo

      Salve, salve meus amigos.

      Cá estou, nesta noite de segunda-feira, com a chuva anunciada, literalmente pendente do tecto.....
      Dia que amanheceu frio, com seus 10ºC, e aos poucos foi subindo, chegando à tarde os 28ºC.
      Espero que os incêndios que assolam Portugal já estejam sob controle. E pela TV, vi que há muita destruição.

      Manuel,
      bela colheita. Imagino o conteúdo dos barris atrás das uvas.....
      Agora entendi o repelente de toupeiras.
      Aqui nós não as temos.... Graças à Deus, pois já temos pragas de sobra.
      Com certeza, na próxima ida estarei na reserva, e terei o tempo de que quiser para vos visitar, e conhecer os locais de que tanto ouço falar.

      Sérgio,
      espero que não me tenhas entendido errado.... Estranhei a tua ausência, contudo sabia que estavas certamente ocupado.
      E o problema de configuração & outros quetais do computador, não é um problema só vosso. Também de vez em quando passo por eles.....
      Aliás, o meu está a me avisar de que a licença do meu Windows está para vencer, e que devo aceder para fazer novo cadastro....

      Manuela,
      amigos são muito importantes, e muitas vezes são tudo de que necessitamos, e dispomos.
      Por isso devemos dar-lhes a devida importância, e cultivar essas amizades. Mas amigos de verdade, e não os interesseiros, que ao primeiro problema debandam.....


      Como havia vos dito, fui na casa da mana, e lá, finalmente, consegui pegar a colheita da jabuticaba.
      Aproveitei para comer, juntamente com o Daniel, em largos bocados.
      Depois foi juntar uma sacolada para levar junto.
      E ontem, após saborear mais algumas, o restante foi para vidros de conserva, junto com cachaça, para fazer um licor.
      Não sei se é esse o nome com o qual as conheceis....

      No pé.....



      O chão, ao redor do pé.....



      Os vidros de conserva, já abastecidos....




      Eis uma imagem, do meu quartel, na área das garagens, oficinas, Seção de Ensino de Manutenção de Chassis - SEMB, e pátio de manobras, semana passada, quarta-feira:


      Uma boa terça-feira para todos!


      PS: Manecas, te vejo em linha......



      '
      Abraços fraternais! Eliseu
    • Novo

      V.P. 16 Outubro às 20.45


      Caros Amigos, Eliseu, Manuela e Sérgio !!


      Boa Noite !! Por aqui continuamos, na angustiante expectativa de receber a notícia, que os incêndios já passaram para a metade sul do País ! De modo que as coisas têm corrido nos últimos meses, cada vez me convenço mais que o "Plano", a meu ver primorosamente concebido, não parará nas margens do Tejo. Há anos atrás, já isso sucedeu.
      Como dizeis, nada melhor que ter amigos, e com eles confraternizar frequentemente, sem protocolos e cerimónias !!! Haja saúde para todos, para que o nosso amigo Eliseu e Cª, por cá apareça e ... com bastante disponibilidade de tempo, como anunciou!

      Alô Sérgio!
      Também eu mudei do sistema ADSL, via telefónica, para a fibra óptica, por vantagem de preço, mas há largos dias que aguardo que venham proceder à nova ligação. Espero que não me suceda o que relataste com as actualizações !! Também me têm aparecido, mas deixo-as para as horas mortas, normalmente depois de encerrar o Mázungue. Ainda não tive problemas com elas, mas em verdade se diga ... que não notei melhorias no funcionamento. Também quem me safa nas eventuais enrrascadas com o computar é o meu filho, ou as netas !!!! Quando se nasce "analógico" ........!!


      Alô Manuela !
      O calor é mato, mas a chuva ... Kácuramoene ! A ver vamos o que o futuro próximo nos reservará !


      Alô Eliseu !
      Assim seja amigão, sem o quartel à espera do teu regresso. Assim poderemos retomar as agradáveis conversas, e alargar os lugares e amigos que ficaram por ver na anterior visita !
      Respondendo à tua pergunta: A toupeira, quando vista fora da terra, até é um bichinho simpático, semelhante a um rato grande, com a particularidade de ser cego!!! A natureza assim o criou e desse modo, ela faz a sua vida por baixo da superfície da terra, especialmente onde houver plantações hortícolas e pomares ! O resultado é ... o desespero dos agricultores, pois a bichinha alimentando das raízes, por onde passa vai tudo a eito !! Detecta-se facilmente, porque aparecem uns montículos de terra, como se fossem uns respiradouros, ou saídas para o exterior ! É combatida com armadilhas, venenos, mas quando há uns meses elas apareceram na minha horta, indicaram-me a existência de um produto, em forma de granulado, que introduzido nos referidos buracos, as repele co êxito ! Quando experimentei, foi tiro e queda, como se diz ! Fizeram as malas e emigraram ... possivelmente para a horta, ou pomar de um dos meus vizinhos !!
      Como a Manuela e Victor estavam a ser "atacados" dei-lhes a dica ! Vejamos se as toupeiras dela, ainda não tenham arranjado maneira de ultrapassar o ataque !!!


      [b]E para fechar a emissão, aqui vos envio umas quantas uvas "Dª Maria", apanhadas pouco antes do anoitecer. São da mesma parreira de que já vos tenho mostrado em fotos anteriores:[/b]




      Um abraço Manecas
      - Laripó, ou mungué, amigos meus !!!