O lixo é o espelho fiel da sociedade

    • O lixo é o espelho fiel da sociedade

      Plásticos
      Saco de plastico à beira da estrada

      "Os lixos que espalham confusão nas cidades, parques, praias e em todos os cantos transformam em deprimentes quaisquer partes do globo. Tornaram-se o símbolo da cultura de massa do descartável: barato, inútil, mesmo que passageiros obstinadamente não degradáveis e inassimiláveis. Estes subprodutos da indústria petrolífera são os ícones de uma economia industrial construída na super-exploração do petróleo e outros combustíveis fósseis que transformam o planeta literalmente num mundo do lixo terminal. Ocupar-se com os lixos plásticos adquiriu significância não longe diante da redenção derradeira. "
      Referencias: O nosso futuro roubado

      Author @ Amazon .... Tony de Araujo
    • O lixo é o espelho fiel da sociedade

      Vidros e lata e plásticos
      Plastico à beira da estrada

      Lixo domestico ou lixo domiciliar ou residencial, é produzido pelas pessoas em suas residências. Constituído principalmente de restos de alimentos, embalagens plásticas, papéis em geral, plásticos, entre outros.

      Outras classificações poderão ser:

      Lixo Comercial, Lixo Industrial, Lixo das áreas de saúde, limpeza publica e lixo nuclear.

      Nesta fotografia vemos um exemplo de limpeza pública mas por outro lado vemos também um outro aspecto social, um de decadência e desinteresse pelo bem estar do ambiente ou mesmo o respeito para com outro ser humano.

      Sim porque as pessoas que atiram lixo para as bermas da estrada não pensam que voltarão a passar por ali enquanto aquele lixo ali estiver. Têm ideia de que, quando ou se alguma vez regressarem ao mesmo sítio, já outra pessoa o apanhou. É uma falta de consideração entre seres que coabitam a mesma localização. Passa-se assim o trabalho a outro.

      Existe uma regra em inglês que é "carry in, carry out", por outras palavras, o que trazes para dentro de algum recinto - levas também para fora. Eu vejo pessoas a passear os seus cãezinhos sem sacos de plastico para fazer a limpeza quando os animais resolvem fazer as suas necessidades. Vejo outros que embora tragam saquinhos de limpeza, atiram-nos para a berma da estrada quando ninguém está a olhar. Carry in Carry out: o cão vai passear e faz o que tem que fazer, o dono pega no que o cão deposita e leva-o para casa deitando no seu próprio caixote do lixo, não à beira da estrada para outra pessoa limpar nem num outro caixote do vizinho onde o vizinho terá o problema de fazer a limpeza se o saco rebenta.

      É tudo uma questão de respeito mutuo para com os nossos vizinhos. Os problemas do mundo seriam quase todos resolvidos se nos limitássemos a ter cuidado com a nossa própria casa. Se cada um fosse honesto e consciente, o todo que compõe o mundo teria um mundo bem melhor.

      É necessário coragem para se tomar a decisão de se ser honesto e consciente embora a maioria das outras pessoas não o seja. Utopia? Penso que não, apenas disciplina individual.


      Author @ Amazon .... Tony de Araujo
    • O lixo é o espelho fiel da sociedade

      O lixo é o espelho fiel da sociedade - Part II
      Lixo como arte

      O homem adapta-se. Quando o lixo começa a fazer parte do normal, o homem arranja uma desculpa, como por exemplo, fazendo dele ( o lixo), arte. Vê-se tanta arte feita de lixo por aí. O homem adapta-se, mesmo que signifique baixar a sua qualidade de vida.


      Author @ Amazon .... Tony de Araujo